português deutsch english

Música AguArianA

por enquanto a fase mais characteristica e surpreendente da minha vida. Tudo isto sai de uma gitarra so? ao vivo? Hoje muitos usam loops, mas ainda poucissimos usam processamento de gitarra, e ninguem toca assim... leia aqui no final a descrição original!

aqui muitos exemplos dos CD-Rs produzidos em Salvador 1993-2002

Estes trabalhos documentam o caminho para o LOOP durante 20 anos, em dois níveis:

- a evolução musical (no fundo principalmente uma evolução espiritual)

- a evolução tecnológica que seguiu e estruturou o trabalho

Todas as gravações foram diretamente dos instrumentos, ja mixando em estéreo, preservando o a magia da hora da criação.

Depois editei e masterizei no Macintosh, eliminei momentos sem inspiração, ruidos e notas erradas

Todos os sões de guitarra vem da PARADIS Elegy e
todos os sões de baixo do PARADIS POLYSUBBASS


SOLO

 

 

"Magic Tea (aguia dourada)" (2000-2002)

Gravado durante sessões de Ayahuasca, o cha magico dos indios, no Brasil principalmente conhecido com "Santo Daime" e "Vegetal". Os indios descubriram o efeito da mistura de um sipo com uma folha ha milenios e ha cem anos, esta sabedoria comecou a se espalhar no mundo. So se toma o cha em rituais e o efeito é totalmente imprevisivel, mas sempre curativo, educativo, esclarecedor... para música ele mostra os caminhos das melodias, que podem levar para infinitos lugares - ou para nenhum, se não for uma melodia "de verdade". Explicar em palavras não faz muito sentido... Guardei a musica durante anos ate chegar na certeza de que ela pode ser publicada e recommendada para outras experiencias com o cha.

A música funciona muito bem para cura sem cha tambem.

pode pegar no Bandcamp

 

"Música AguArianA em Jejum" (1999)

Gravado durante o Carnaval '99 quando no Centro de Cultura Brasil-China em Salvador, um grupo de 6 pessoas ficou 4 dias em jejum.

O processo de só tomar água para se libertar de qualquer desejo material ou emocional é muito interessante e resultou em mudanças fortes na vida real depois.

Toda noite, o grupo meditava enquanto eu tocava. O trecho mais forte de cada noite se acha no CD.

Este trabalho é o mais calmo, o único realmente meditativo.

pode pegar no Bandcamp

 

"BreZito" foi a base para as que sairam no Jejum depois. Uma música de meditação, feito com o grande filosofo ZeBrito asistindo. O original ficou 45 minutos. Aqui um exemplo de 8"

Jantarte

 

"Música AguArianA para JantArte" (1997)

O JantArte é um evento no Centro de Cultura Brasil-China com bufete vegetariano chinês, uma palestra filosófica e música ao vivo, para alimentar corpo mente e espírito.

No inicio, músicas leves criam um clima de encontro gostoso. No fim da noite público costuma se concentrar deitado ou sentado nos tapetes e vai longe...

pode pegar no Bandcamp

AguArianA para pensar

"Música AguArianA para pensar-se" (1995)

Estudantes e professores escutaram concentradamente nos teatros de várias Universidades. As músicas são bastante dinâmicas. O público foi disposto a viajar para lugares escondidos e fomos ver tempestades e agonia também. Como um amigo disse: "Coloquei o CD para pensar, mas chegou uma hora que não consegui mais pensar absolutamente nada!" Pois é, amigo, depois, nas partes relaxantes, você aproveita do processo que aconteceu quando você sentiu que não pensou nada!

Recado na UFBA

Foi falado durante a música um recado para os políticos e sociologos presentes no Seminario sobre "Projetos Estratégicos Alternativos para o Brasil"

AguArianA para viajar

"Música AguArianA para viajar" (1995)

Gravado no mesanino da Rodoviária de Salvador, para as pessoas esperando ônibus. Uma mistura de emoções e esperanças que acompanham viagens no plano físico e precisam ser trabalhadas no plano astral - viajando durante a viagem.

A música simples, fluente, contendo um pouco de rock e blues acompanha e facilita, como os usuários comentam, muitos tipos de trabalho e agrada em quase qualquer ambiente. Tem pessoas que passaram semanas só ouvindo este som e acabaram sentindo mudanças na vida... (tem fita K7 tambem)

pode pegar no Bandcamp

Maria

"Maria" (1993)

Um ano importante no qual terminei a construção do LOOP delay e me mudei para o Brasil onde logo encontrei a companheira Maria em nossa casa de madeira perto do mar... um documento de emoções fortes variadissimos, gravadas dentro de casa.

"Grama para Todos", pensando na seca onde Maria nasceu...

 

"Dúvidas" auroresco

"Bass Line"

"Da Vibração dos Cristais"

Originalmente chamado "sincero no momento" . Meu primeiro trabalho solo publicado em K7 por uma gravadora (TEKBOX) no Rio de Janeiro.

Eles venderam como "New Age", mas umas partes ficaram muito pesado ;-)

"Planetario" talvez a primeira gravação ao vivo que funcionou bem! O momento foi incrivel... principalmente inspirado pelo pintor Manoel Castelin.

pode pegar no Bandcamp


este release foi iniciado em 1987 por Beatrice Coelho Silva, Jornalista no Rio de Janeiro,
depois modificado em 1994 por Maria Socorro em Salvador.

Matthias Grob escolheu o Brasil para morar, pois imediatamente sentiu ser o nosso país "O caldeirão de raças, aberto às novidades e o cheio de alegria e fé".

Com alma de músico e formação de engenheiro eletrônico, Matthias está desenvolvendo há vinte anos, paralelamente, sua própria música e o instrumento adequado.

Três pernas sustentam e equilibram o som:

  • Os timbres são diferentes, mais limpos &emdash; cheios de dinâmica. A sutíl vibração de cordas de aço puramente amplificada se torna mais cristalina do que um violão. Transformada eletronicamente ela chega a parecer com violoncelo, órgão - ou guitarra mesmo.
  • O LOOP delay (aparelho criado por Matthias e agora licenciado para a empresa americana Gibson que deu o nome ECHOPLEX digital pro) permite infindáveis superposições e reorganizações de frases musicais e sutís ondas de timbre servindo como fundo para solos extensos.
  • O uso de reverberação digital cria a sugestão de espaços irreais, fazendo o público sentir-se ora num cubículo ora diante do universo.

A operação com os dedos dos pés do sistema inteiro faz a música se desenrolar até quarenta minutos seguidos, sem nenhuma quebra, envolvendo o público numa viagem de estágios variados.

O corpo da música é simples:

Melodias e harmonias repetidas, fluintes, assemelhando-se com o folclore de várias culturas, às vezes saindo de ritmo ou de tonalidade.

A cabeça da música é o vazio: o improviso toca o espírito

A essência vem através do canal de energia que a música estabelece entre o invisível e o visível, que nos leva a uma viagem espiritual, uma meditação dinamica, produzindo sons que nos dão impressão imediata de dualidade, como se estivessem ali presentes o bem e o mal num duelo constante da busca prazerosa com o Universo.

Com o parceiro usando os mesmos recursos do LOOP delay e da reverberação, ambos entram numa mesma base rítmica e no mesmo espaço acústico. Isto facilita uma sintonia que permite uma viagem tão individual que se torna universal, pois há fusão de sons, proporcionando um equilíbrio.