português deutsch english

Gravações Historicas

LIZARD IN CONCERT

...foi a banda de Artrock ou Progressive com qual trabalhei duro entre 1978 and 1980. Ai de repente, o Punk e a revolucao da juventude nos tornou ultrapassado. Uma das characteristicas da banda foi que constuimos o equipamento inteir, nos mesmos (sendo que so eu entendi de eletronica) : Mesa de mixagem, amps, caixas, bass synth, digital delay, iluminacao (mechanics and control)... ate os teclados foram modificados!
Vendemos 500 albums duplos de vinyl 1980, depois que a banda tinha parado! A capa foi branca com um adesivo colocado na mao, para nao gastar com impressao. O disco ficou tao raro que atingiu valores ate $300!
In 2000 se tornou num CD duplo na BlackRills, masterizado do mestre Bob Katz!
Pode buscar esta obra em Bandcamp

 

Estas Musicas provavelmente nunca vão combinar com um CD meu...
uma razão para mostrar aqui então:

"Blues" - Comecei a tocar guitarra com os discos do mestre Clapton.
Quando alguem no então bar Exedente pediu Blues, tentei de me lembrar...

"The first electric percussion experience"
Uma vez montei um microphone na guitarra para captar voz e percução. Nao tenho muito talento ritmico, mas descobri uma maneira de tocar um pedaço de bambu com uma vareta dentro... o bumbo é uma batida no proprio microfone, num momento estranho...

"Estreia da Moringa no SESI"
Construi uma moringa electrica, colocando um sistema sofistictado de captação numa simples moringa da feira de São Joaquim.
Na apresentação no SESI em '98, senti vontagem de estreiar ela, loopada, é claro.
Tem um pedaço de bambu com captador e o prototipo da Kalimba, também!

"Break Through"
Um trabalho de auto terapia. No caso foi um amor infeliz.
Acho necessario passar por estas fases com musica mas faz pouco sentido de publicar.
So mostro aqui para deixar claro que fiz muito som ainda mais feio!

"De Christian ide Bildixmaschine"
Um pedaço de 5min tirado da "opera de rock" (40min!) da minha primeira banda iSiS em 1975.
Trata dos problemas de um garoto super inteligente e emoçionalmente pobre - o nosso caso...
Ironicamente ou consequentemente, foi a época na qual fizemos composições, achando que qualidade vinha de sequencias complexas de harmonias.

SOLO PIANO

O Piano da Franzisca

O Piano da Francisca (1992)

Sempre gostei de tocar piano e gravei estas músicas meio eruditas (sem loop) no piano da Franzisca em Biel, Suíça, 1992/3. Não sou virtuoso neste instrumento, mas tem muitos temas bonitos que fluem agradavelmente.

"going deeper"