portuguÍs deutsch english

quando eu tinha 5 anos, a minha avo sempre perguntava qual profissão eu ia escolher, pois a minha resposta sempre foi: Inventor

com 12 anos peguei o violao e o radio a valvula do pai, desmontei um phone de ouvido, coloquei ele na tampa e toquei um som bem sujo no porão. a banda comecou...

com 14 anos comecei a trabalhar no meu mestre da eletronica Hermi Hogg e aprendi a usar os cirquitos dele e modificar cada vez mais...

com 16 anos ja montei circuitos para construir a mesa, os efeitos, iluminaçåo - tudo que a banda precisou!

com 18 desenhei os proprios circuitos para criar os timbres de gitarra que sonhei.

em 1983 diplomei na ETH, uma das escolas de engenharia mais conceituadas do mundo.

quando quiz me mudar para Winterthur, a cidade onde nasceram os meus pais, o desenhista e criador de gitarras Rolf Spuler não so me procurou, pois estava interessado na minha eletronica para as gitarras dele, mas tambem ofereceu o PARADIS para morar e trabalhar...

então não vejo como eu poderia ter escapado deste destino :-)

ainda tentei escapar em 1986 quando me mudei para o Brasil, pensando que eu ia fazer qualquer outra coisa, ou so música. Mas usando meu entao ja bastante desenvolvido equipamento, vieram as ideias e o desejo de melhorar, e depois dos dois anos de muita música e meditação no Rio, voltei com sede de eletronica para Suica e criei os meu dois aparelhos que estao sendo vendidos ate hoje.

Ainda no Rio, escrevi "A new musical concept " com os principios dos instrumentos que preciso desenvolver.
Se torna no plano de vida!

Depois ainda precisou passar por varias fases: A evolução das ferramentas de engenharia nas ultimas decadas (em ingles)

De volta no Brasil, passei a so programmar a minha maquina

Depois de 2003 aprendi a programmar plugins para computador e passei a trabalhar so no computador...